Páginas

segunda-feira, 22 de fevereiro de 2016

A seleção natural em dois parágrafos

.
..
...


A seguir, dois trechos de A origem das espécies (1) que condensam de maneira exemplar a essência do fenômeno da seleção natural.

Pode-se dizer que a seleção natural esquadrinha todos os dias e todas as horas, em todo mundo, todas as variações, mesmo as mais insignificantes, rejeita o que é ruim, preserva e incorpora o que é bom e ocorre de maneira silenciosa e insensível, em todo momento e lugar nos quais a oportunidade se apresenta.
 (...)
A teoria da seleção natural é baseada na crença de que cada nova variedade – e, em última análise, cada nova espécie – é produzida e conservada por dispor de alguma vantagem sobre aquelas com as quais compete. E a consequente extinção das formas menos favorecidas é uma decorrência quase inevitável. 

A evolução e a extinção como a urdidura da trama da vida, as duas faces da mesma moeda, o Yin-yang do mundo orgânico.

_____________

1. DARWIN, Charles. A Origem das espécies e a Seleção Natural. Curitiba : Hemus S.A., 2000.

...
..
.

terça-feira, 16 de fevereiro de 2016

Ilha de Eldey, último refúgio do arau-gigante

.
..
...


A Ilha de Eldey é uma pequena formação rochosa situada a cerca de 16 quilômetros a sudoeste da costa da Península Reykjanes, na Islândia, com área de aproximadamente 3 hectares e elevação de 77 metros.



Eldey é melancolicamente conhecida por ter sido o último refúgio do Arau-gigante (Pinguinus impennis), uma grande ave pescadora que viveu no Atlântico Norte até 1852, quando o último casal foi morto nos penhascos da ilha. Um dos homens que mataram os dois últimos exemplares da espécie assim descreveu o ato:

As rochas estavam cobertas de blackbirds (referindo-se a aves marinhas dos gêneros Uria e Cepphus) e lá havia os Geirfugles (nome islandês do arau-gigante) ... Eles caminharam lentamente. Jón Brandsson esgueirou-se com os braços abertos. A ave que Jón pegou foi para um canto, mas (a minha) estava indo para a borda do penhasco. Ela caminhava como um homem ... mas movia seus pés rapidamente. (Eu) a apanhei perto da beirada - um precipício de muitas braças de profundidade. Suas asas ficavam perto dos flancos - não apareciam. Peguei-a pelo pescoço e ela bateu as asas. Não emitiu nenhum grito. Eu a estrangulei. (1)

ILUSTRAÇÃO DE JOHN GOULD, PUBLICADO EM 1873 (fonte)


Nos penhascos de Eldey, encontra-se (ainda) um grande número espécies de aves marinhas.
Duas webcams no topo da ilha transmitem ao vivo do local (clique e observe enquanto é possível).

1. Fuller, ErrolThe Great Auk. Southborough, Kent, UK: Privately Published, 1999.
____________________________________

Atualizações - 17/02/16

1. Os relatos sobre a caça do último casal de Arau-gigante dão conta de que o evento ocorrera em 1844; sua extinção foi oficialmente documentada em 1958 (cf. KOLBERT, Elizabeth. A sexta  extinção : uma história não natural ; tradução Mauro Pinheiro. - 1. ed. - Rio de Janeiro : Intrínseca, 2015. P. 74.)

2. As webcams instaladas na Ilha de Eldey não funcionaram muito bem. As aves que ali nidificam estranham a sua presença, então sobrevoam e defecam em cima delas. O guano de trinta mil casais de gansos-patola, ave mais comum na ilha, de alguma forma atrapalha seu funcionamento. (idem, p. 73)

...
..
.