Páginas

quinta-feira, 27 de fevereiro de 2014

E o Arnesto deu samba...

.
..
...

Ernesto Paulelli, violonista da Rádio Eldorado, conheceu João Rubinato quando se apresentou na Rádio Record com a cantora Nhá Zefa, isso lá pelos idos de 1938. Na ocasião, foi equivocadamente chamado de ‘Arnesto’ por Rubinato, ao que prontamente corrigiu seu interlocutor, não sem um pouco de irritação. No final do encontro, trocaram cartões, e Rubinato disse reflexivo: “Arnesto... Esse nome dá samba! Vou fazer um samba pra você, duvida?”.
Muitos anos depois do primeiro encontro, já na década de 50, Adoniran Barbosa, o Pai do Samba Paulista – e nome artístico de João Rubinato – imortalizou o amigo no célebre Samba do Arnesto, sambinha de breque dos bão, há décadas cantado e recantado nas mesas dos bares e nas rodinhas de violão... (ainda existe isso?..)

Ernesto Paulelli morreu de causas naturais, ontem, 26 de fevereiro, aos 99 anos de idade.

...


Olha aí o Arnesto tocando seu violão na casa onde viveu durante mais de 50 anos... na Mooca, e não no Brás.


...
..
.

Nenhum comentário: