Páginas

quarta-feira, 3 de março de 2010

Alerta: Dilma cresce, 'grande mídia' reage

.
..
...
"Um espectro assusta a mídia: o espectro de um país mais justo e igualitário"
(de um comentarista, em matéria da Agência Carta Maior)
...
O forte crescimento da candidatura Dilma Roussef apurado pela última pesquisa Datafolha (deles mesmos, dos especialistas em Serra da Barão de Limeira...) está tirando o sono de muita gente. Por exemplo, em um tipo de conferência particular de comunicação da direita brasileira, um dito Fórum Democracia e Liberdade de Expressão reuniu no último dia 1º de março representantes dos principais (leia-se: 'mais grandes') veículos de informação (?) do país para debater os 'perigos' da (iminente, inevitável, inconteste?) vitória de Dilma Roussef nas próximas eleições. Participaram do evento, vejam só, Arnaldo Jabor, Carlos Alberto Sardenberg, Reinaldo Azevedo e Demétrio Magnoli, entre outras figuras bastante conhecidas pela postura elitista, pela resistência ao governo Lula e pela lambeção das lustrosas botas dos patrões midiáticos.
Entre outros disparates, esses 'ilustres' homens de mídia concluíram que "o PT é um partido contrário à liberdade de expressão e à democracia", e ainda que "se Dilma for eleita o stalinismo será implantado no Brasil"*; ao que conclui aquele raivoso bardo global, também conhecido em remotas eras como um grande cineasta frustrado: "Então tem que haver um trabalho a priori contra isso, uma atitude de precaução dos meios de comunicação. Temos que ser ofensivos e agressivos, não adianta reclamar depois", sentencia Arnaldo Jabor*.
Não sei você, raro leitor, mas eu chamo isso de golpe.
...
...
..
.

2 comentários:

Mariê disse...

Há sempre que se temer essa gente reacionária, que não admite dividir o pão.
São perigosos, mas acredito que perderam todo esse poder de manipular e amedontrar as massas. Isso já era.

Marcello disse...

Eles estão mortos de medo, desesperados.
O problema é que muita gente ainda acredita nessas sandices, e essa merda toda foi transmitida ao vivo, via internet.
Cautela e caldo de galinha...